sábado, 24 de março de 2012

O lado podre da maçã...

Nesta semana, estive lendo alguns artigos que me levaram a pensar sobre as atitudes de certos seres humanos. Pensei em escrever, também, um artigo, mas optei por fazê-lo num poema e eis o que criei...

O LADO PODRE DA MAÇÃ

Que delícia é uma maçã!
Seu aroma, seu sabor,
Sua cor...
Sempre fui seduzido
Por essa fruta divina
Que tanto me fascina!

O que me desnorteia
É pensar que há uma divisão
Nesse fruto delicioso
Que separado
Tem forma de coração
E  cada parte
Fere a imaginação...

Uma parte traduz o desejo
No segredo da emoção,
A outra, o lado podre
Do desejo proibido
Que gera corrupção.

Ah... Bem queria que essas partes
Fossem únicas, plenas...
Mas uma contamina a outra
E ficamos, quase sempre, apenas na vontade
Que não se torna realidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário